+55 11 2581-5580

 +55 11 2581-7453

Gás Argônio

O gás Argônio destaca-se por ser o gás nobre mais abundante do planeta Terra, sendo que a maior quantidade se encontra na mistura gasosa do ar atmosférico: cerca de 0,93% do volume do ar que respiramos é composto pelo mesmo.

Argônio representa o gás nobre que possui símbolo Ar, número atômico 18 (18 prótons e 18 elétrons) e massa atômica 40 u, encontrando-se na forma gasosa em temperatura ambiente.

COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS INGREDIENTES

Natureza Química: “Este produto químico é uma substância pura”.

      Ingredientes ativos Argônio

      Peso Molecular 39,95 g/mol

      N°  CAS 7440-37-1

      Potencial de inflamabilidade não é inflamável

      Classificação Toxicológica Asfixiante simples

 

Sinônimos: Argônio comprimido

 

Classificação e rotulagem de perigo

GRAU

4       Extremo

3       Grave

2       Moderado

1       Leve

0       Mínimo

RISCO

Saúde

Inflamabilidade

Reatividade

2

2

2

IDENTIFICAÇÃO DE PERIGOS

Produto classificado na classe 2.2 – Gases sob pressão. Gás Comprimido.

Elementos de rotulagem do GHS, incluindo as frases de precaução.

Palavra de advertência: Atenção!

Frase de perigo: H280: Contém gás sob pressão; pode explodir sob a ação do calor.

Frase de Precaução:

  • Armazenamento: P403: Armazene em local bem ventilado.

                                         P410: Mantenha ao abrigo da luz.

Outros Perigos que não resultam em classificação:

  • Gás a alta pressão.
  • Asfixiante a altas concentrações.
  • Pode causar sufocamento rápido.
  • Pode causar vertigem e dor de cabeça.
  • É um gás incolor, inodoro e insipido.
  • Equipamento autônomo de respiração pode ser necessário para a equipe de salvamento.

MEDIDAS DE PRIMEIROS SOCORROS

Inalação

Remova para ar fresco. Os efeitos são devidos à falta de Oxigênio. Concentrações moderadas podem causar dor de cabeça, sonolência, vertigem, excitação, excesso de salivação, vômitos e inconsciência. Remova a vítima para um local ventilado. Aplique respiração artificial se a vítima não estiver respirando. Se a respiração estiver difícil, uma pessoa qualificada deverá administrar Oxigênio. Chame um médico.

Contato com os olhos

Lavar imediatamente os olhos abundantemente com água durante pelo menos 15 minutos. As pálpebras devem ser mantidas abertas e distantes do globo ocular para assegurar que todas as superfícies sejam enxaguadas completamente.

Contato com A PELE

Nenhuma emergência com cuidado antecipado..

 

Ingestão

Não é um meio de exposição. Este produto é um gás a pressão e temperaturas normais.

 

SINTOMAS E EFEITOS MAIS IMPORTANTES, AGUDOS OU TARDIOS

 Proteção respiratória adequada.

 

Descrição breve dos principais sintomas e efeitos

Gás asfixiante. Em concentrações moderadas pode causar dor de cabeça, sonolência, vertigem, sonolência, náusea, excitação, excesso de salivação, vômito e inconsciência. Os efeitos são devido à falta de Oxigênio. A falta de Oxigênio pode levar a morte.

 

OBSERVAÇÕES PARA O PRESTADOR DE SOCORROS

Se houver suspeitas de que os vapores do produto podem estar presentes, o socorrista deve usar um equipamento autônomo de respiração. Nenhuma ação deve ser tomada que envolva qualquer risco pessoal ou sem treinamento apropriado.

 

Notas para o médico

Não há antídoto específico. Este produto é inerte. O tratamento deve ser dirigido para o controle dos sintomas e das condições clínicas.

MEDIDAS DE PREVENÇÃO E COMBATE A INCÊNDIO

Meios de extinção apropriados

Argônio não é inflamável. Utilize extintores de CO2, pó químico seco ou jatos de água em forma de neblina para o controle do fogo circundante. Evacue todo o pessoal da

área de risco. Imediatamente resfrie os cilindros com jatos de água em forma de neblina, guardando uma distância segura. Então remova os cilindros para longe da área de fogo, se não houver risco. Equipamento autônomo de respiração pode ser necessário para resgate de trabalhadores no local. Antes de entrar nas áreas, especialmente as confinadas, verifique a atmosfera com um equipamento adequado.

 

MEIOS DE EXTINÇÃO NÃO RECOMENDADOS

Se o cilindro estiver envolvido em fogo, não tente removê-lo. Eles podem se romper devido ao calor do fogo por aumento da pressão interna. Resfrie o recipiente até que o fogo diminua ao ponto de poder extingui-lo.

 

Perigos específicos

O gás não é inflamável. O calor do fogo pode aumentar a pressão do cilindro, podendo causar a sua ruptura. Os cilindros de Argônio podem ser equipados com dispositivo de alívio de pressão. Nenhuma parte do cilindro deve ser submetido a temperaturas acima de 52°C (125°F).

 

PROTEÇÃO DAS PESSOAS ENVOLVIDAS NO COMBATE A INCÊNDIO

CUIDADO! Gás a alta pressão. Remova as fontes de ignição se não apresentar riscos. Interrompa o fluxo de gás se isto não apresentar riscos. Retire todo o pessoal da área de risco. Imediatamente molhe os recipientes com jatos pulverizados de água a uma distância segura, até resfriá-los, então remova os recipientes para longe da área de fogo, se não apresentar risco. Equipamento autônomo de respiração pode ser necessário para resgate de vítimas. Brigadas de incêndio locais devem estar cientes das características do produto. Antes de entrar nas áreas, especialmente as confinadas, verifique a atmosfera com um equipamento adequado (ex. Oxímetro).

 

Proteção dos bombeiros

Os bombeiros devem usar equipamentos autônomos de respiração e vestimenta completa para combate a incêndios..

MEDIDAS DE CONTROLE PARA DERRAMAMENTO OU VAZAMENTO

Precauções pessoais

     

Para o pessoal que não faz parte dos serviços de emergência:

  • Imediatamente retire-se da área de risco.
  • Gás asfixiante. Desloca o ar do ambiente

 

      Para o pessoal do serviço de emergência

  • Equipamento autônomo de respiração de pressão positiva e macacão retardante de chama pode ser necessário para entrar em áreas confinadas.
  • Antes de entrar nas áreas, especialmente as confinadas, verifique a atmosfera com instrumento adequado (ex. explosímetro).
  • Remova todas as fontes de ignição, se não houver risco.
  • Interrompa o vazamento se não apresentar riscos.
  • Impedir a entrada do produto em lugar onde o acumulo possa ser perigoso.
  • Ventile a área do vazamento ou remova os recipientes com vazamento para área bem ventilada se não houver risco.

 

Precauções para o meio ambiente

Interrompa o vazamento, se isto puder ser feito sem risco. De uma maneira aceitável descarte o resíduo, recipiente ou invólucro de acordo com as legislações locais, estaduais e

Federais. Em caso de dúvidas, consultar o fornecedor.

 

Métodos para contenção e limpeza

Evacue e ventile a área. Interrompa o fluxo do vazamento, se possível e remova fontes de calor.

MANUSEIO E ARMAZENAMENTO

CONDIÇÕES PARA MANUSEIO SEGURO

Nunca insira qualquer objeto (ex. chave de parafuso, chave de fenda) dentro da abertura do capacete, isto pode causar dano a válvula, e consequentemente um vazamento. Use uma chave ajustável para remover capacetes justos ou enferrujados. Abra a válvula suavemente. Se estiver muito dura, descontinue o uso e entre em contato com seu fornecedor. Não abra a válvula por mais de uma volta e meia. Não comer, beber ou fumar durante o manuseio do produto. Lavar as mãos após manuseio deste produto antes de entrar em áreas de

alimentação. Não utilize o cilindro como parte de um circuito elétrico ou para formação de um arco elétrico. O efeito produzido por um arco elétrico na parede do recipiente poderá levá-lo a ruptura. Utilizar equipamentos de EPI .

 

Armazenamento

Armazene e use com ventilação adequada. Assegure-se de que os cilindros estejam fora de risco de queda. Atarraxe firmemente o capacete com as mãos. Não devem existir fontes de calor no local. Não permita estocagem em temperaturas maiores que 52ºC (125ºF). Armazene separadamente os cilindros cheios dos vazios. Prevenir o estoque de cilindros cheios por longos períodos.

PRECAUÇÕES NO USO DE SOLDA E CORTE

Assegure-se de ler e compreender todos os rótulos e outras instruções fornecidas em todos os recipientes deste produto.

Materiais seguros para embalagens

Utilizar somente equipamentos com especificação apropriada a este produto e à sua pressão e temperatura de fornecimento.

CONTROLE DE EXPOSIÇÃO E PROTEÇÃO INDIVIDUAL

Medidas de controle de engenharia

Providenciar uma ventilação adequada ao local de trabalho. Realizar as operações em áreas ventiladas. Sempre evitar o acúmulo de gás acima do limite inferior de flamabilidade.

 

Parâmetros de controle específicos

  • INGREDIENTE LIMITE DE EXPOSIÇÃO (NR-15): Asfixiante simples.
  • ACGIH:  (2010): Asfixiante simples.

 

MEDIDAS DE CONTROLE DE ENGENHARIA

 EXAUSTÃO LOCAL: Utilize sistema de exaustão local ou ventilação local adequada para evitar asfixia em locais de estocagem ou manuseio de cilindros por ausência de oxigênio.

 

MEDIDAS DE PROTEÇÃO PESSOAL

  • PROTEÇÃO RESPIRATÓRIA (TIPO ESPECÍFICO): Não requerida sob uso normal. Entretanto, respiradores com suprimento de ar são necessários quando se trabalha em espaços confinados com este produto.
  • PROTEÇÃO DA PELE: Luvas de raspa para manuseio de cilindro.
  • PROTEÇÃO DOS OLHOS/FACE: Óculos de segurança com lente incolor com proteção lateral.
  • PERIGOS TÉRMICOS: Nenhum estabelecido.
  • OUTROS EQUIPAMENTOS PROTETORES: Sapatos para manuseio de cilindro, ou seja: bota de segurança, vulcanizada, com biqueira de aço.

PROPRIEDADES FÍSICO-QUÍMICAS

Estado físico: Gás incolor

Cor: Incolor

Odor: Inodoro

pH: Não aplicável

Peso molecular: 39,95

Fórmula: Ar

Ponto de ebulição a 10 pisig: -185,87 ºC

Faixa de temperatura de ebulição: Não aplicável.

Taxa de evaporação: Não aplicável.

Ponto de fusão a 10 psig: -185,87 ºC

Inflamabilidade:

Não inflamável

Limite inferior/superior de inflamabilidade ou explosividade no ar em % volume: Não aplicável.

Ponto de fulgor: Não aplicável

Pressão do vapor a 21,1 °C:  Não aplicável

Densidade relativa (ar = 1) a 21,1 °C: 1,38

Peso especifico do vapor a 21,1ºC:   1,654 kg/m3 (0,103 lb/ft3)

Solubilidade e em água vol/vol à 0 °C: 0,056 cm3/1cm3

Coeficiente de partição octanol/água: 0,67

Temperatura de autoignição: não aplicável

Temperatura de decomposição: não aplicável

Viscosidade: Não aplicável

ESTABILIDADE E REATIVIDADE

Instabilidade

O produto é estável quando armazenado e usado sobre condições normais de estocagem e manuseio.

 

Reatividade

Sem reações perigosas, se armazenado e manuseado conforme indicado.

 

Reações perigosas

Não irão ocorrer. Sem reações perigosas, se armazenado e manuseado conforme indicado. Extremamente frio durante a expansão para pressão normal.

 

Condições a evitar

Estocagem em áreas com ventilação precária. Temperaturas epressões elevadas.

 

Materiais ou substâncias incompatíveis

Nenhum conhecido o Argônio é um gás inerte.

 

Produtos perigosos da decomposição

Óxidos de Nitrogênio e Ozônio podem ser formados pela radiação do arco. Outros produtos de decomposição da operação normal originam-se da volatilização, reação ou oxidação do material que está sendo trabalhado.

INFORMAÇÕES TOXICOLÓGICAS

Informações de acordo com as diferentes vias de exposição:

Toxidade aguda

 A substância é inerte. Em concentrações muito elevadas no ar, o gás pode provocar dificuldade respiratória ou asfixia por deslocamento de oxigênio, podendo causar narcose. Em caso de utilização deste produto em processos de soldagem, pode gerar gases e vapores perigosos (Ver seção 16).

irritação da pele

A substância é inerte. Não há dados disponíveis sobre os efeitos irritantes. A substância é um gás à temperatura e pressão ambiente.

Contato com os olhos – vapor em baixas concentrações pode causar irritação e lacrimejamento; em mais altas concentrações (acima de 1000 ppm) pode causar dano severo.

irritação dos olhos

Não há dados disponíveis sobre efeitos irritantes.

Sensibilização

A substância é inerte. Não há dados disponíveis sobre os efeitos irritantes. A substância é um gás à temperatura e pressão ambiente.

MUTAGENICIDADE EM CÉLULAS GERMINATIVAS

 Não há dados disponíveis sobre os efeitos mutagênicos. A substância é inerte. A estrutura química não sugere tal efeito.

CARCINOGENICIDADE

O Argônio não é considerado carcinogênico pelos órgãos NTP, OSHA e IARC.

TOXICIDADE À REPRODUÇÃO

Não há dados disponíveis. A substância é inerte. A estrutura química não sugere tal efeito.

TOXICIDADE PARA ÓRGÃOS – ALVO ESPECÍFICO - EXPOSIÇÃO ÚNICA

Nenhum atualmente conhecido.

TOXICIDADE PARA ÓRGÃOS – ALVOS ESPECÍFICOS – EXPOSIÇÃO REPETIDA

As propriedades físicas, químicas e toxicológicas do Argônio sugerem ser improvável que a superexposição venha a agravar condições clinicas existentes.

PERIGO POR Aspiração

 O Argônio é um asfixiante. A falta de oxigênio pode levar a morte

INFORMAÇÕES ECOLÓGICAS

ECOTOXICIDADE: Não é esperado nenhum efeito ecológico.

PERSISTÊNCIA E DEGRADABILIDADE: Não avaliado.

POTENCIAL BIOACUMULATIVO: Esse produto não é considerado como poluente marítimo pelo DOT.

MOBILIDADE NO SOLO: Não avaliado.

OUTROS EFEITOS ADVERSOS: Este produto não contém nenhum material químico das Classes I ou II (destruidores da camada de ozônio).

CONSIDERAÇÕES SOBRE DESTINAÇÃO FINAL

MÉTODOS RECOMENDADOS PARA DESTINAÇÃO FINAL

Não tente desfazer-se de resíduos ou quantidades não utilizados. Devolva o cilindro ao seu fornecedor. No caso de emergência, descarregue lentamente o gás para a atmosfera, em lugar bem ventilado.

INFORMAÇÕES SOBRE TRANSPORTE

Regulamentações nacionais e internacionais

      Terrestres:

      Decreto Lei 96044, Resolução 420, NBR 7500.

      Hidroviário:

  • AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIO - ANTAQ
  • IMDG – International Maritime Dangerous Goods – Code
  • DPC – Diretoria de Portos e Costas do Ministério da Marinha – Norma-5

      Aéreo:

  • AGÊNCIA NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL - ANAC
  • ICAO-TI – International Civil Aviation Organization – Technical Instructions
  • IATA-DGR – International Air Transport Association – Dangerous Goods Regulation
  • ANAC – Agência Nacional de Aviação Civil - Resolução n° 129 de 08 de dezembro de 2009
  • RBAC n° 175 – Regulamento Brasileiro da Aviação Civil para o Transporte de Artigos Perigosos em Aeronaves Civis.
  • IS n° 175-001 – Instrução Suplementar – IS

Para produto classificado como perigoso para o transporte

  • Número ONU: 1006
  • Nome apropriado para embarque: ARGÔNIO, COMPRIMIDO.
  • Classe de risco:  2.2  – Gás não tóxico e não inflamável
  • Número de risco: 20
  • Grupo de embalagem: Não aplicável.
  • RÓTULO DE REMESSA: GÁS NÃO INFLAMÁVEL E NÃO TÓXICO.
  • AVISO DE ADVERTÊNCIA (QUANDO REQUERIDO): GÁS NÃO INFLAMÁVEL E NÃO TÓXICO.

REGULAMENTAÇÕES

As seguintes leis relacionadas são aplicadas a este produto. Nem todos os requerimentos são identificados. O usuário deste produto é o único responsável pela obediência de todas as leis Federais, Estaduais e Locais.

  • DECRETO LEI 96044

Regulamento para o transporte Rodoviário de Produtos Perigosos e dá outras providências.

  • RESOLUÇÃO 420

Aprova instruções complementares ao Regulamento do Transporte Terrestre de Produtos Perigosos.

  • NBR 7500

Símbolos de risco e manuseio para o transporte e armazenamento de materiais.

  • Regulamentações específicas de segurança, saúde e meio ambiente para o produto:
  • Portaria 3214 – NR-15 – Anexo 11.
  • Lei 9605 – Lei de Crimes ambientais.
  • Norma ABNT NBR 14725-4:2014, Anexo A – Instruções para elaboração de uma FISPQ.

 

Abreviaturas:

PEL Permissible Exposure Limit

STEL Short Term Exposure Limit

TLV Threshold Limit Value

LT Limite de Tolerância

LCLO Lethal Concentration Low

GHS - Globally Harmonized System

ANTT - Agência Nacional de Transportes Terrestres

ACGIH – AMERICAN CONFERENCE OF GOVERNMENTAL INDUSTRIAL HYGIENISTS

DOT – DEPARTMENT OF TRANSPORTATION

HSDB – HAZARDOUS SUBSTANCES DATA BANK

IARC – INTERNATIONAL AGENCY FOR RESEARCH ON CANCER

NIOSH – NATIONAL INSTITUTE OF OCCUPATIONAL AND SAFETY

NTP – NATIONAL TOXICOLOGY PROGRAM

OSHA – OCCUPATIONAL SAFETY AND HEALTH ADMINISTRATION

OUTRAS INFORMAÇÕES

A ELEBRATEC recomenda que todos que manipularem este produto leiam com atenção as informações contidas nesta página, visando com isto esclarecer e deixá-las cientes dos riscos relacionados ao produto e, desta forma, contribuir para minimizar (ou até evitar) acidentes que venham a causar danos ao meio ambiente e/ou à saúde do próprio usuário ou de terceiros.

“As informações contidas nesta página de informações de segurança são fornecidas sem ônus para nossos clientes. Todas as informações técnicas e recomendações aqui contidas são baseadas em testes e dados provenientes de publicações técnicas especializadas. Uma vez que a ELEBRATEC não tem controle sobre o uso do produto aqui descrito, esta não assume nenhuma responsabilidade por perdas ou danos causados pelo uso impróprio do mesmo".

Referências

GUIDANCE FOR COMPILATION OF SAFETY DATA SHEETS FOR FERTILIZER MATERIALS. EUROPEAN FERTILIZER MANUFACTURERS’ASSOCIATION (EFMA), 1996.

 

© 2017 ELEBRATEC® Sistemas de Vazão. Todos os direitos reservados.